Iniciativas


Iniciativas em destaque


Se quer colaborar, conheça algumas das Iniciativas (Âmbito Nacional):

Um movimento de engenheiros/as, designers, marketeers, profissionais de saúde, entre outras especialidades, com vista a trabalhar em vários projetos para ajudar a resolver alguns dos problemas causados pela Covid-19: Vídeo-Consultas grátis, identificação de pessoas infetadas, assistente Virtual de Triagem, doação de equipamento de proteção individual, entre outros.

Saiba mais aqui

Esta iniciativa nasceu no Instagram. Foi criada para ajudar as pessoas com mais idade, um grupo de risco, desde logo, assinalado. Trata-se de um apoio específico de proximidade e de vizinhança.

Saiba mais, acedendo à conta no instagram

A UNITATE – Associação de Desenvolvimento da Economia Social desenvolveu este formulário com o intuito de identificar, em todo o território nacional, cidadãos que, em caso de necessidade, possam estar disponíveis para trabalhar e/ou dar apoio nos equipamentos sociais das IPSS (como Lares de Idosos e outros).

Mais informações aqui

Foi lançado um questionário para quem quer colaborar com o Serviço Nacional de Saúde, contribuindo com equipamentos, serviços ou outros apoios específicos, através da sua instituição, empresa ou a título individual. Preencha o formulário e ajude o SNS.

Se pode e quer colaborar, clique aqui

A Ordem dos Médicos disponibilizou um inquérito on-line para recolher a disponibilidade dos colegas, trabalhando em várias áreas, para a colaboração com as entidades oficiais da Saúde, a qual fará o enquadramento dos voluntários nas equipas, conforme necessário e de acordo com o perfil e disponibilidade de cada um.

Inscrição aqui

Os Serviços Partilhados do Ministério da Saúde fizeram um formulário on-line que permite aos profissionais de saúde inscreverem-se para “Reforço de Resposta em Telessaúde à Pandemia da COVID-19.

Inscrição aqui

A iniciativa Quero Ajudar pretende superar as dificuldades causadas pelo #COVID19, através da união entre os grupos de risco e quem pode prestar a ajuda necessária. Acedendo à plataforma, tem duas opções: Preciso de ajuda e Quero ajudar.

Se quer ajudar, clique envie um e-mail para hello@queroajudar.org

Mais informações aqui

O Banco Alimentar criou a Rede de Emergência Alimentar que permite a inscrição das necessidades (pelas próprias pessoas, familiares, amigos/as ou quaisquer outros/as) numa plataforma informática e o encaminhamento para um ponto de entrega de alimentos próximo da sua residência.

Para ajudar, contacte: emergencia.alimentar@bancoalimentar.pt

A Ordem dos Biólogos criou uma bolsa de voluntários/as de profissionais habilitados/as para apoio para a realização de testes de diagnóstico. Assim que abriram as inscrições, registaram mais de 3000 candidaturas dos distritos de Aveiro, Beja, Braga, Bragança, Castelo Branco. Coimbra, Évora, Faro, Guarda, Leiria, Lisboa, Portalegre, Porto, Santarém, Setúbal, Viana do Castelo, Vila Real, Viseu e das Regiões Autónomas dos Açores e da Madeira.

Saiba mais aqui

A Paramédicos de Catástrofe Internacional (PCI) atua no âmbito da ajuda humanitária e, em Portugal, tem também uma vasta vertente social. No atual contexto de pandemia, a associação PCI está a apelar à ajuda de mais voluntários/as, para integrarem uma base de dados de recursos humanos ativos. Posteriormente, terão formação ao nível da Emergência Médica, certificada pelo INEM e pela DGERT.

Os/as interessados/as deverão enviar os seguintes documentos, para o e-mail ong.secdirecao1.pci@gmail.com:

. O Curriculum Vitae;

. Fotocópia do Cartão de Cidadão/Bilhete de Identidade/Título de Residência – rasurado e menção “Autorizo a cópia do meu CC/BI/TR, para efeitos de inscrição nos PCI” (Lei n.º7/2007 de 5 de fevereiro);

. Fotocópia do Cartão de Aluno/a, caso seja estudante.

Para mais esclarecimentos:

Chefe de Gabinete da Presidência dos PCI / Diretor Executivo – Carlos Ferrão

E-mail: ong.paramedicos.chefedegabinete@gmail.com/Tlm.: 937963347

Presidente dos PCI – Dr. Bruno Ferreira

E-mail: ong.paramedicos.presidente@gmail.com /Tlm.: 913817780

O projecto todosjuntos.pt é liderado pela wespeak.tech e é uma iniciativa solidária e sem fins lucrativos. Esta plataforma oferece ajuda a particulares (executar tarefas e entregas para quem não pode sair de casa) e a empresas (entrega de equipamentos e sugestões de parcerias).

Além do apoio, também convida ao registo a quem quer contribuir para esta missão, seja particular ou empresa.

Saiba mais aqui

A Ordem dos Farmacêuticos constituiu uma Bolsa de Voluntários para farmacêuticos/as e estudantes de Ciências Farmacêuticas (4.º e 5.º ano do Mestrado Integrado em Ciências Farmacêuticas) para dar apoio às atividades assistenciais dos farmacêuticos, bem como à equipa da Linha de Apoio ao Farmacêutico, entre outras necessidades futuras que venham a surgir, no âmbito do Covid-19.

Informações voluntarios@ordemfarmaceuticos.pt

Esta iniciativa tem por objetivo é ajudar a sinalizar os grupos/doentes de risco de cada região e criar uma rede de distribuição, através de voluntários/as que se inscrevem. O SOS Vizinho pretende, assim, fazer chegar a estas pessoas os bens essenciais que necessitam, evitando que saiam das suas casas e, consequentemente, estejam mais expostas.

Para aceder ao projeto, clique aqui

Um movimento de engenheiros/as, designers, marketeers, profissionais de saúde, entre outras especialidades, com vista a trabalhar em vários projetos para ajudar a resolver alguns dos problemas causados pela Covid-19: Vídeo-Consultas grátis, identificação de pessoas infetadas, assistente Virtual de Triagem, doação de equipamento de proteção individual, entre outros.

Saiba mais aqui

Uma plataforma criada por uma equipa de voluntários/as, das mais diversas áreas profissionais e de todos os cantos do país. É intermediária entre as empresas e os profissionais de saúde, para que sejam colmatadas as necessidades existentes básicas nos hospitais, centros de saúde e outras unidades hospitalares do país. Se é um/a profissional de Saúde e precisa de ajuda, ou se é de uma empresa, e quer ajudar, clique aqui.

Para questões adicionais, contacte info@portasabertas.pt

A Yoopies é uma plataforma europeia de serviços domésticos que agora adaptou os serviços prestados e estendeu a ajuda a toda a população, criando uma comunidade de voluntários/as prontos a ajudar no apoio escolar à distância, no auxílio às pessoas idosas e no babysitting.

Saiba mais aqui

Plataforma on-line, de âmbito nacional, que promove a partilha de conhecimento acerca do envelhecimento e do cuidar dos mais idosos/as. Registado/a na Bolsa de Ajudas covid-19, todos/as podem aprender a cuidar de pessoas idosas. É um espaço para quem precisa e/ou quer oferecer ajuda, como pedir alimentos ou materiais em falta nos lares, outras instituições e idosos em isolamento, ajudar nas tarefas que as instituições séniores precisam fazer no exterior e assim manter os cuidadores dentro dos edifícios, ajudar a cuidar dos idosos/as, sempre que as entidades entenderem abrir portas.

Saiba mais aqui

Plataforma que visa disponibilizar alternativas de alojamentos para profissionais de saúde (médicos/as e enfermeiros/as) que se encontrem a desempenhar funções no âmbito do combate ao Covid-19, deslocados/as do local de residência ou que receiam contagiar familiares, libertando-os/as de burocracias ou encargos. O âmbito do apoio do projeto poderá, em breve, ser alargado a outros/as profissionais.

Saiba mais aqui

Uma iniciativa solidária da uppOut que visa disponibilizar alojamento para os/as profissionais de saúde. Quem pode oferecer alojamento e quem precisa de tal, encontra aqui o local on-line para registar a sua disponibilidade e a sua necessidade de apoio.

Saiba mais aqui

Um projeto de voluntariado para a saúde mental, criado no contexto da pandemia de COVID 19. Os/as voluntários/as são pessoas interessadas na área de saúde mental, e/ou com histórias pessoais de vivências relacionadas com problemas de saúde mental, e/ou estudantes/profissionais de saúde, não sendo, porém, um acompanhamento profissional.

Qualquer pessoa pode voluntariar-se para ser the 🍍 friend, quer como voluntário/a, quer como recetor/a.

Mais info aqui

Plataforma que reúne pessoas disponíveis para colaborar com as organizações públicas e privadas que estão na frente de combate da pandemia COVID-19.

Os/as voluntários/as inscrevem-se na plataforma, as organizações solicitam voluntários/as, a plataforma partilha os dados dos/as voluntários/as, e serão contactados/as pelas organizações.

Inscrições aqui

Mais informações: info@euvoluntario.me

Para solicitar voluntários/as: org@euvoluntario.me

Bolsa de Voluntariado que tem como objetivo mapear em tempo real pessoas que se disponibilizam como voluntários/as, para serem contactadas pelas Juntas de Freguesia, IPSS e Associações, e ajudar com pequenas tarefas, na época de Pandemia COVID-19.

Para conhecer o projeto, clique aqui

O projeto da AMI tem por objetivo dar apoio ao grupo mais frágil da sociedade: os grupos de alto risco para a Covid19 que vivem em situação de precariedade e dificuldade financeira.

Para ajudar, clique aqui

O Estado-Maior-General das Forças Armadas (EMGFA) aceita inscrições de voluntários da Família Militar (militares na reserva e na reforma e familiares, bem como civis e ex-militares que se identifiquem com a instituição e/ou familiares) que pretendam auxiliar as Forças Armadas, nas ações de apoio aos Portugueses, em reforço do Serviço Nacional de Saúde (SNS).

E-mail para envio da informação: emgfa_rp@emgfa.pt

O “Achata a curva” é uma iniciativa integrada no projeto ibero-americano “Frena la curva”, que pretende articular-se com os movimentos cívicos locais existentes, através do mapeamento de necessidades e disponibilidades. É, assim, um esforço colaborativo de apoio aos cidadãos, em resposta à COVID 19.

Saiba mais aqui

O projeto Retribuir Saúde é uma plataforma que disponibiliza consultas de psicologia, sessões de terapias e sessões de coaching, gratuitas e online, para profissionais de saúde que estão no terreno (médicos, enfermeiros, auxiliares, farmacêuticos, entre outros).

Para aceder, clique aqui

Um grupo de jovens portugueses desenvolveu esta plataforma para ajudar os grupos de risco (pessoas idosas ou doentes crónicos). Os voluntários/as levam comida e produtos farmacêuticos as casas de quem não pode ou deve sair, mas também oferecem serviços, como passear os cães.

Saiba mais aqui